Excesso de refrigerante prejudica saúde bucal






O refrigerante é responsável por inúmeros problemas na boca. Este tipo de bebida predispõe a erosão ácida que é a perda constante dos minerais que formam o esmalte do dente. Além de gerar muita sensibilidade e possibilitar fraturas já que o dente fica mais fino e sem proteção.

A bebida é composta por açucares, conservantes, acidulantes, corantes, estabilizantes, antioxidantes, aromatizantes, além de outras substâncias que não saudáveis se ingeridas sempre e em excesso, ou seja, não fornece nenhum nutriente importante para o organismo.

A alta concentração de açúcar o refrigerante é apontado como um dos causadores do aumento de obesidade e diabetes, principalmente na população mais jovem.

O refrigerante, por conter grande quantidade de cafeína, se bebido em excesso, pode causar insônia, irritabilidade e até mesmo gastrite, por aumentar a produção de suco gástrico.

Sensibilidade, gengiva muito vermelha, irritação na língua ou na gengiva e inflamações, são sinais de que se deve procurar o Cirurgião-Dentista.

A dica é consumir os diet e ligth, com pouco ou nenhum açúcar. Já com as crianças a estratégia não é proibi-las, pois poderão beber escondidos, mas, sim, explicar os malefícios causados à saúde que devem ser evitados.

Comente: