O dentista e a articulação temporo-mandibular





http://blog.dentalgutierre.com.br/wp-content/uploads/2016/03/ATM-1.jpg

O tratamento da articulação temporo-mandibular ode ser multidisciplinar mas cabe ao Cirurgião Dentista especializado a grande responsabilidade para o correto controle das dores oro-faciais causadas pela disfunão na atm. Sua experiência e a busca constante de melhorias nos serviços técnicos prestados, orientados pela ética e responsabilidade profissional, fará com que diferencie as dores que vêm das regiões orais e, portanto, elimine-as com procedimentos odontológicos. Aquelas que provêm de outras regiões necessitam de tratamento médico.

Embora não exista uma cura para a D-ATM, existem diversos tratamentos que você pode seguir para diminuir consideravelmente os sintomas. Seu dentista pode recomendar um ou mais dos seguintes tratamentos:

  • Tentar eliminar a dor e o espasmo muscular através da aplicação de calor úmido ou através de medicamentos como relaxante muscular, aspirina ou outros analgésicos comuns, ou ainda antiinflamatórios;

  • Reduzir os efeitos prejudiciais de travamento ou rangido, por meio de um aparelho, algumas vezes chamado de placa de mordida ou "splint". Este aparelho, feito sob medida para sua boca, se encaixa nos dentes superiores e ao deslizar sobre os dentes inferiores impede estes dentes inferiores de ranger contra os dentes superiores;

  • Aprender técnicas de relaxamento para ajudar a controlar a tensão muscular na mandíbula. Seu dentista pode sugerir que você procure condicionamento e aconselhamento para ajudar a evitar o estresse;

  • Quando partes da mandíbula são afetadas e os tratamentos não surtiram efeito, uma cirurgia na articulação poderá ser recomendada.
Há outras especialidades dentro da odontologia que podem ajudar o dentista a tratar a articulação temporo-mandibular, como a ortodontia

O importante é o dentista ter consciência do seu papel nesse tratamento e delegar para outros profissionais


Comente:

Nenhum comentário