Dentes rachados, mau hálito e ferida na boca podem ser sinal de doenças






Muitas doenças apresentam sintomas também na boca, por isso é necessário ficar atento a qualquer sinal que apareça.

Dentes rachados, por exemplo, podem ser sinal de refluxo gastroesofágico. De acordo com a especialista, isso pode ser causado por ácidos do estômago que retornam, diluídos, à boca.

Acesse o blog da Saúde

Curta nossa página no Facebook

Outra doença que pode ser identificada por meio dos dentes é o estresse. Muitas pessoas ficam surpresas ao descobrir que rangem os dentes à noite, afinal de contas, isso acontece durante o sono. O bruxismo é um sinal muito comum desse tipo de condição emocional ou psicológica, reflexo do estresse.

O hálito com cheiro adocicado pode ser sinal de diabetes. sso por que a doença tipo I gera um hálito cetônico, que surge devido a pouca disponibilidade de glicose como fonte energética. Porém, outras alterações bucais podem denunciar o problema: diminuição da quantidade de saliva e maior concentração de cálcio nela; alterações na coloração do esmalte do dente; dor e queimação na língua e grande quantidade e de cáries.

Dentaduras e próteses podem ser a porta de entrada para o câncer bucal. Isso porque o uso incorreto pode causar feridas na boca. O risco de desenvolver a doença é bastante aumentado quando se associam fatores como álcool e tabagismo, por isso o exame preventivo com o dentista é indispensável.

O vírus do HPV também pode ser detectado por meio da boca. Porém só é possível fazer o diagnóstico se houver uma lesão tipo couve-flor no interior da boca. Essas lesões podem ser tratadas com medicamentos locais, cirurgia ou crioterapia. Já a manifestação do vírus da Aids pode ser identificada através de nódulos de coloração avermelhada que sagram facilmente localizadas geralmente no palato e na gengiva.

Incentivar os pacientes a consciência de que o check up é de extrema importância para detectar problemas futuros é o primeiro passo para prevenir doenças e tratá-las em estágio inicial.

Do R7



Comente:

Nenhum comentário